Menu
Ficha de Filme
Luz Obscura
Ver trailer Galeria de fotos Sessões

Sinopse

Para este documentário, a realizadora Susana Sousa Dias usou fotografias de cadastro de presos políticos pertencentes ao núcleo familiar do militante comunista Octávio Pato (1925-1999), cujo filho surge ao colo da mãe numa foto tirada pela PIDE. Inserido no trabalho de investigação dos arquivos da polícia política que a realizadora tem vindo a fazer sobre o Estado Novo – e que está também patente nos filmes "Natureza Morta" (2005) e "48" (2010) –, este filme volta a reflectir sobre os anos da ditadura em Portugal.
Depois de ter participado em vários festivais, "Luz Obscura" foi distinguido com a Menção Especial do Júri da Competição Internacional de Longas-Metragens da DocumentaMadrid, festival de cinema documental da capital espanhola, e recebeu o Prémio de Melhor Som no Festival Caminhos do Cinema Português. PÚBLICO

Votar

Votos dos leitores

Total de votos (16)

Votos dos críticos

  • Jorge Mourinha
    • 1
    • 2
    • 3
    • 4
    • 5
Total de votos (1)

Secções

Mesmo Género

Topo
Pesquisar
© 2011 PÚBLICO Comunicação Social SA